Fórum
Agenda
Participe

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Unidos Venceremos!

Clique aqui para imprimir esta página para sua referência e consulta.

O QUE É CARGA VIRAL?

 1.  O que é Carga Viral?  

A carga viral é o volume de vírus específicos presentes em seu organismo, num determinado volume de sangue ( normalmente 1 mililitro= 1 centímetro cúbico). Isso significa que o volume de material genético de hepatite C encontrado em seu sangue, corresponde à quantidade de vírus da Hepatite C fornecido através de números. Portanto, o número dado, corresponde a quantidade de genomas virais. 

Não parece haver relação significativa entre o  nível de RNA HCV e os valores de ALT ou de atividade histológica em pacientes não tratados com terapias anti virais (Interferon ou Rebetron). A carga viral varia nos pacientes infectados, mas não é um prognóstico muito útil e nem mede a severidade da doença hepática induzida por vírus.

2. O QUE SIGNIFICA NÃO DETECTÁVEL OU NEGATIVO? 

A carga viral pode variar desde não detectável ate centenas ou milhares de vírus. O significado do não detectável ou negativo, difere de acordo com o método de exame de medida utilizado.

O limite de detecção utilizado em um laboratório para teste quantitativo de RNA HCV PCR e de 200 genomas virais/ml ( e com o qualitativo eles podem detectar até mesmo 10 genomas virais/ml.). Os exames menos caros são os bDNA quantitativos, e tem um potencial de limite de detecção de 200mil genomas virais/ml. É menos sensível, porem quando ultrapassa seu limite mínimo de detecção é mais acurado que o exame por PCR. 

Então, quando o paciente estiver negativo, talvez não tenha o vírus da hepatite C em seu sangue, mas pode ser também, que ele o tenha, mas que o número de vírus seja menor do que o limite de detecção do exame feito, portanto, não se mostrará presente até o limite mínimo de detecção do exame efetuado. 

Por exemplo: digamos que você tenha feito o exame através do bdna e que o limite de detecção seja de 200 mil genomas virais/ml; qualquer número abaixo deste, será registrado como “negativo” ou “ não detectável” , quando, na realidade, você pode ter genomas virais presentes em seu sangue, mas em quantidade menor do que o limite detectável pelo exame.

Seu medico e seu laboratório poderão lhe aconselhar  e explicar qual seria o melhor tipo de exame para o seu caso especifico. 

3. O QUE SIGNIFICA POSITIVO?  

Quando você receber seu resultado de RNA HCV quantitativo e quando o laboratório puder determinar a quantidade de vírus presentes em seu sangue,e importante anotar, não só os números mas também as unidades de medida utilizadas. 

Volume  

O volume de sangue ao qual o numero se refere e normalmente dado em mililitros

Mas alguns laboratórios podem contar em 20 micrômetros=1/50 mililitros. Nestes casos você deve multiplicar o resultado dos genomas virais por 50 para alcançar o numero em 1 mililitro. 

I. Quantidade de vírus  

Existem diversas maneiras de expressar a quantidade de vírus. Para que possamos comparar diferentes resultados, devemos saber como converter estes números para uma forma mais convencional, digamos, o número de vírus por mililitros. 

Exemplo:

1.5milhões/ml ou seja, 1.500.000/ml (estes números são os mesmos, escritos de forma diferente) 

a)Medida por peso 

Algumas vezes, o laboratório dará o resultado por quantidade de material genético encontrado por peso. 1pg(pico-grama) de material genético corresponde a 1 milhão de genomas virais, então se o seu resultado aparecer em picogramas, multiplique o resultado por 1 milhão e você terá o número exato de vírus.  

b)Medida por contagem de vírus 

1.números: muitas vezes a contagem de vírus é expressa por números, por exemplo: 1.73 milhões ou 1.730.000. Algumas vezes os milhões são abreviados em “ M” (mega). Então quando mostrar 1.73 Meq/ml, quer dizer 1.73 mega equivalente/ml ou 1.730.000 equivalentes/ml.  

2. Forma Exponencial: números muito grandes, as vezes são colocados na forma exponencial, quer dizer um numero multiplicado por dez com um expoente. Para converter isto a um numero normal, adicione quantos zeros se fizer necessário ao numero um, assim como estiver mostrando e multiplique pelo numero.

Exemplo: RNA HCV quant. 17.3 x 10(exp5) equivalências/ml. Quer dizer 5 e o expoente, você deve acrescentar 5 zeros ao numero um,  o que te dará 100.000, e multiplique este numero por 17.3, que te dará 1.730.000 , que e a sua carga viral.

Este numero e expressado: 1.73x10(6)  (que são os mesmos números mostrados de forma diferente) 

17.3 x 10(5)= 1.73x10(6)= 1.730.000  

4. Logaritmo: Pode-se também utilizar esta forma de contagem, porem, no Brasil, ainda não é muito utilizada. Ela seria mostrada assim: log(1730000)=6.24

Para isso você precisara de uma calculadora! 

Ainda há controvérsias quanto ao que é considerado alto, ou baixo com relação a quantidade de genomas virais presentes no sangue. A interpretação faz sentido para pessoas que não estejam em tratamento, mas para alguém que está se tratando há seis meses com Rebetron, ate mesmo 200.000 pode ser considerado alto.

(Os números abaixo de 200 mil, pleo método bdna, são indetectaveis) 

Podemos dizer que:

De 200 mil a 1milhao – baixo

1 milhão a 5 milhões – médio

5 milhões a 25 milhões – alto

acima de 25 milhões – muito alto 

Estas informações não foram escritas por um medico. Nada deverá substituir sua visita ao seu medico de confiança.  

Fonte: http://members.aol.com/Bshaw069/virald.html


HEPATITIS MUTUAL SUPPORT
http://members.aol.com/VikkiSM/hepage.html